Posts Tagged ‘marguerita’

Lugares que oferecem boa comida a preços justos são ótimos. Já lugares que oferecem isso e um atendimento simpático, são de virar fã.

Com a Pizzaria Dona Maria foi assim. Passei na frente, achei bonitinho e peguei um cardápio, à disposição na porta. Numa noite de pouca comida em casa, liguei e pedi. Mas antes, um parênteses.

Estávamos sem dinheiro e só tínhamos cartão. Como alguns estabelecimentos levam a maquininha junto com a entrega, resolvi ligar e perguntar. Eles não faziam isso, mas, ao invés de mandar um “não faz” e desligar em seguida, o moço que me atendeu explicou porque não e deu outras sugestões de pagamento. Em seguida, tirou meu pedido e disse que em dez minutos eu podia passar para pegar (e pagar no débito no salão mesmo). No caminho, ainda ligaram para o meu namorado para avisar que a pizza estava pronta. Já achei ótimo.

Na hora de comer, mais detalhes incríveis: a pizza vem acompanhada de um saquinho com alho torrado, a azeitona é verde e gordona (e não aquela titica preta amarga), e o manjericão vinha aos montes. Na caixa da pizza, uma poesia impressa. Um capricho só.

Pedimos uma pizza grande, meia-calabresa, meia-marguerita, mais uma coca de dois litros, e tudo ficou em R$ 19,00 – menos de R$ 10 para cada.

O site tem mais informações e, inclusive, eles servem um almoço preparado por uma nutricionista e um chef internacional. Vou provar e conto para vocês.

Serviço:
Dona Maria Pizzaria
R. Joaquim Antunes, 1026
Pinheiros – São Paulo – SP
Tel: 3819-1282 / 3813-0036 / 3031-1054
www.donamariapizzaria.com.br

Bia Bonduki

Anúncios

Acho que o título já entregou, né? Sim, esse texto é sobre pizza por metro. O lugar em questão é o Graminha, que tem quatro endereços – três em Sampa e um em Santos. Conheço só a casa da r. Medeiros de Albuquerque, na Vila Madalena (é o Graminha grande, porque atravessando a rua tem outro, numa casa menorzinha), portanto é com base nela que escrevo. 

No Graminha (assim como em outros restaurantes com pizza por metro, imagino), você não escolhe o tamanho da pizza por quantidade de pedaço, mas sim por largura. No cardápio, as opções são 1/2 metro estreito ou 1/2 metro largo. Em geral, o estreito dá pra três pessoas comerem três pedaços cada, e a pizza pode ter dois sabores. No largo, dá pra encaixar três opções diferentes de recheio. 
 
Além dos clássicos, como marguerita, portuguesa e frango com catupiry, tem sabores mais exóticos – e bem gostosos -, como carpaccio, shitake ou calabresa com javali, que eu nunca comi, mas costuma ganhar elogios. Claro que quanto mais elaborado, mais caro é o metro, né? O Graminha não é exatamente barato, especialmente se você é daqueles que come dez pedaços, mas se você se contentar com cinco fatias rola – desde que você divida a conta entre três ou quatro pessoas.

Dando um exemplo concreto, dividido entre três:
1/2 metro estreito (com dois sabores, um diferente e um básico) + 1 pizza doce pequena (a de morango com chocolate é bem gostosa; já a só de chocolate é um pouco enjoativa) + 1 garrafa de vinho chileno = R$ 38 por pessoa.

E você sai rolando – ainda que a pizza seja quadrada…! Sim, a piada foi estúpida, mas inevitável…
 
Serviço
Graminha Pizza por Metro
Rua Aspicuelta, 23, Vila Madalena, São Paulo – SP.
Tel. 11-3814 2302

Rua Medeiros de Albuquerque, 256, Vila Madalena, São Paulo – SP.
Te. 11-3815 7434
 
Rua Dr. Alceu de Campos Rodrigues, 498, Vila Olímpia, São Paulo – SP.
Tel. 11-3045 3535
 
Rua Alexandre Herculano, 192, Gonzaga, Santos – SP.
Tel. 13-3221 7903
 
http://www.pizzariagraminha.com.br/ 

Mari Tavares