Posts Tagged ‘crepe’

Paraty não é uma cidade barata, principalmente em época de Flip, quando tudo fica superfaturado – inclusive alimentação. Mas mesmo assim dá pra comer bem gastando relativamente pouco.

Uma opção é o Porto da Pinga, que, sim, tem 400 mil tipos de pinga, mas também tem um cardápio bem simpático. O filé de peixe ao molho de camarão, acompanhado por saladinha, batata souté e arroz, custa R$ 24. Além de ser uma delícia, é um prato super bem servido e realmente vem camarão no molho, o que é muito importante! Se não tiver afim de peixe, o cardápio tem outras opções, como crepe (que é uma febre em Paraty), salada, omelete, carne, frango, caldos e por aí vai.  

Só não tem muita alternativa de sobremesa, mas tem um monte de garçom engraçadinho que quando você pergunta se tem doce (porque não tá no cardápio), a resposta é: “Serve eu?”. Aí vai do humor do cliente e do clima da situação… De qualquer jeito, fica a dica: o Porto da Pinga é do lado do Bombom da Maga, então um esquema bom é jantar e depois se jogar no bombom de brigadeiro.

Em tempo: “por que, ó meu deus, o nome do post é ‘Cobra na cachaça!?'”, pergunta o atento leitor. É assim: 
Chega lá, come tranqüilamente, bebe feliz e pede a conta. 
O garçom simpático vai perguntar se você não quer experimentar uma cachacinha, só assim, pra conhecer.
Peça a cachaça da casa. 
O garçom vai dizer: “Tem certeza? Você promete que não vai gritar?” (desconfio que ele só pergunta isso pras clientes do sexo feminino).
Prepare seu coração, caro(a) leitor(a). 
Ele vai voltar com um pote de cristal cheio de pinga… com uma cobra d’água boiando dentro! E diz que a cobra tá lá há 5 anos. Eu disse 5 ANOS. 

Segundo o mesmo garçom simpático, a cobra não interfere no sabor da bebida, mas faz com que ela ganhe “qualidades afrodisíacas”. Como se um monte de pinga, mesmo da mais mequetrefe, já não fosse afrodisíaco o suficiente! É cada uma, viu…

Serviço
Porto da Pinga
Rua Matriz, 12, Centro Histórico, Paraty – RJ.
Tel. 24-9907 4370 / 9958 0121
www.portodapinga.com.br

Mari Tavares

Anúncios

Se Milton Nascimento tivesse 25 anos hoje e vivesse em São Paulo, ele provavelmente freqüentaria o ESPAÇO UNIBANCO DE CINEMA, o KEBABEL e o GOPALA.

Se ele tivesse 25 anos hoje e vivesse em BH, ele freqüentaria o CLUBE DA ESQUINA.

OK, não teve graça, eu tentei ser a Ana Laura e não consegui.

Bom, o fato é: descobri o lugar ideal para você ir para aquele jantar romântico depois do cinema. Quer dizer, tinham descoberto para mim, mas eu sou o maior PÉLA-SACO e estraguei tudo: fui antes, sem querer, acredita?!

Continuando: aqui em Belo Horizonte, o cinema que você, caro leitor hipster, freqüentaria se chama Usina Unibanco de Cinema. Tem dois, um em Lourdes e um em Savassi. Aí o de Lourdes fica do lado, mas bem do ladinho mesmo, de uma cantina superfofa, novinha em folha. Lançamento, gente! O local se chama Cantina Piacenza e serve saladas, crepes e massas. O mais bacana é que eles têm uns “combinados”: massa + saladinha. Bom demais. Comi o ravioli de espinafre com molho ao sugo. Muuuito bom. Sério, mesmo, mega gostoso. Com a salada (verde, com umas lascas de queijo e um pouco de tomate, bem temperada com alecrim, adorei) mais uma água e um cafezinho (ótimo), deu R$ 21,50! Como o local é megagostosinho, parecendo um bistrô, a gente super aprova o preço.

ALERTA PRAZER ESTÉTICO: se você não estiver com o seu paquera, joga um olhinho pro cara que eu acho que é o dono em questão. Ele fica atrás do balcão e é BEM GALÃ. Ou, como diria a empregada da mãe da Fernanda Cabeção: MAS QUE GALÃO, HEIM?

Obs.: falando em GALÃO. Talvez você não seja uma bilu intelectual, né? Mas tudo bem. Se você for um bofe que ama futebol (tipo o Beto Mito), existe um lugar ali pertinho que pode ser do seu interesse: a sede do Clube Atlético Mineiro fica a pouquíssimos quarteirões e conta com a Loja do Galo, com artigos do time. HAHAHA
Se você for uma gata garota e rica, passa na M&Guia. Faz a fina. Fica a dois quarteirões. E vai ver se eu tô no Clube da Esquina.

OK, não teve graça de novo.

Serviço
Cantina Piacenza
R. dos Aimorés, 2422, Lourdes, Belo Horizonte – MG.
Tel. 31-2515 6092

Jorge Wakabara