Posts Tagged ‘bolinho de arroz’

Em um desses fins de noite de domingo, estávamos eu e Jorge sentados em uma mesa do bar Filial, na Vila Madalena, quando a gula nos acometeu.

Pois.

Ao invés de pedir sempre a mesma coisa – os deliciosos bolinhos de arroz, uns R$ 16 -, decidimos olhar o cardápio e expandir nossos horizontes. Indo além da página das porções, percebemos a existência, até então totalmente desconhecida, de uns tais espetos. Entre as várias opções bastante convidativas (tipo queijo coalho com shitake e camarão com manteiga de ervas), deixamos a gula decidir por nós: um prato de R$ 34, composto por um espeto com generosas postas de badejo grelhado (pra quem não sabe, badejo é um tipo de peixe), uma porção de arroz com brócolis e batatinhas assadas da casa. 

Minha gente! Que descoberta!!! Delicioso de bom! Até o cheiro tava bom! E a porção serve 2 pessoas tranquilamente, o que significa jantar por R$ 17! Uhu!!

Então fica a dica do prato e a lição de vida do dia: vivendo e aprendendo, né não? Porque a gente vai lá no Filial há ANOS e nunca tinha experimentado isso! Como não, né?!

Mude de página você também!

Serviço
Bar Filial
R. Fidalga, 254, Vila Madalena, São Paulo – SP – na frente do Genésio
Tel. 11-3813 9226
www.barfilial.com.br

Mari Tavares

Anúncios

Um dos lugares mais bacanas para tomar uma cervejinha aqui em BH é o Pelicano Chopp. Lá vende chope (ah, jura?) e cerveja de garrafa (Skol sai R$ 3,70). Mas o mais bacana é o clima meio decadence-c’est-cool. Ele é de madeira, com um balcão à moda antiga. Nas paredes rolam umas fotos de famosos, tipo a Alcione com carinha meiga, o Chico Buarque, o José Lewgoy, a Adriana Calcanhotto fantasiada de Frida Kahlo… oi?

Eu e o Lê dividimos uma porção de bolinho de arroz bem honesta, depois chegaram dois amigos dele, o Hudson (xi, não sei se é assim que escreve) e a Ju, eles comeram um sanduíche com batata frita cada, e bebemos cerveja até empapuçar. Deu R$ 20 each. A trilha sonora é bem gostosinha e, para dar uma idéia da freqüência, tinha um Los Hermanos cover na mesa ao lado.

Obs.: o local era freqüentado pelo… Clube da Esquina. Juro, não tô zoando. Depois eu falo de outro lugar, pertinho, que também era freqüentado por eles!

Serviço
Pelicano Chopp
Av. Augusto de Lima, 245, Centro, Belo Horizonte – MG.
Tel. 31-3224 4292

Jorge Wakabara

Então, a Mari ainda não sabe usar WordPress, ela é uma lesada. Já tem dois textos prontos dela, que eu estou esperando para publicar porque seria mais legal se já fosse com o login dela – pelo visto, esse acontecimento NÃO SERÁ POSSÍVEL, então daqui a pouco eu publico um deles HAHAHA
Tudo bem. Como diria a própria Mari: a vida segue.

Fora isso eu queria fazer uma crítica pública ao Ritz. As bichas adoram o Ritz da Franca, a gente sabe. A gente sabe e ALIÁS, não entende o porquê, já que a Lanchonete da Cidade (que é o hambúrguer que mora no nosso coração e que vai merecer um post especialíssimo em breve) fica megaperto e é MUITO MELHOR. O ambiente é retrô e mais agradável, também tem suco de tangerina (que, você já sabe, para nós é fator ultrapositivo), tem uma batata frita muito mais gostosa…

Tá bom, a gente sabe porque eles preferem o Ritz. É porque na verdade eles vão para o Ritz para paquerar, e não para comer. Aliás, será que eles comem hambúrguer? Parecem tão saudáveis, tão distantes do fast-food…

Tudo isso para dizer que existe apenas UMA coisa que realmente vale muito a pena no Ritz. É o bolinho de arroz. Huuummm! Ele vem com um molhinho agridoce que – acho – tem como base pickles. Não é todo mundo que curte o molho, mas o bolinho, olha, até onde sei é unanimidade.

Aí você vai me dizer que o Ritz é caro. Pois eu respondo: hambúrguer simples acompanhado pela porção de bolinhos sai por… R$ 20! Pô, se for pedir delivery é quase o mesmo preço de um número do Mc Donald’s!
(Ah, sim, porque você, que é leitor do PobreTambémCome e tem um bom gosto de embasbacar, não gosta de freqüentar o Ritz, aquele lugarzinho metido cheio de bicha rica.)

Então fica assim: o Ritz não é pra ir com peguete, nem com família, nem com amigo, nem para paquerar (ao menos que – creeedo – lhe apeteça). O Ritz é pra pedir por telefone.

Serviço:
Ritz
Tel do delivery: 11-3079 3661